Pular para o conteúdo

FRETE GRÁTIS ACIMA DE R$199!

🌟

CUPOM DE 1ª COMPRAWELCOME10

🌟

FRETE GRÁTIS ACIMA DE R$199!

🌟

CUPOM DE 1ª COMPRAWELCOME10

🌟

FRETE GRÁTIS ACIMA DE R$199!

🌟

CUPOM DE 1ª COMPRAWELCOME10

🌟

FRETE GRÁTIS ACIMA DE R$199!

🌟

CUPOM DE 1ª COMPRAWELCOME10

🌟

FRETE GRÁTIS ACIMA DE R$199!

🌟

CUPOM DE 1ª COMPRAWELCOME10

🌟

FRETE GRÁTIS ACIMA DE R$199!

🌟

CUPOM DE 1ª COMPRAWELCOME10

🌟

FRETE GRÁTIS ACIMA DE R$199!

🌟

CUPOM DE 1ª COMPRAWELCOME10

🌟

FRETE GRÁTIS ACIMA DE R$199!

🌟

CUPOM DE 1ª COMPRAWELCOME10

🌟

FRETE GRÁTIS ACIMA DE R$199!

🌟

CUPOM DE 1ª COMPRAWELCOME10

🌟

Lista de Desejos Carrinho
0 itens

6 aspectos que você deve saber antes de começar a se exercitar e esquece

Mais disposição para cumprir as tarefas do dia, fortalecimento do sistema cardiovascular, melhora da saúde mental, diminuição dos riscos de doenças crônicas e ajuda no controle da ansiedade. Se você já nos acompanha há algum tempo ou segue um estilo de vida mais saudável, sabe que esses são alguns dos benefícios proporcionados pela prática regular de atividade física.

Apesar das vantagens, sabemos que manter uma rotina de exercícios nem sempre é fácil. A falta de motivação, o dia a dia atribulado e a falsa ilusão de que não é possível conciliar os treinos com outras tarefas, por vezes, nos impede de começar a seguir uma vida mais ativa.

Mas, quando finalmente entendemos que movimentar o nosso corpo é fundamental para ter saúde e damos um “start” nos treinos, esquecemos de alguns detalhes que podem influenciar (e muito) a forma como nos exercitamos e enxergamos esse novo hábito.

Se você está prestes a começar uma rotina de treinos, fique com a gente até o final deste artigo e veja quais aspectos são importantes para você saber antes de fazer qualquer atividade física. Acompanhe!

Afinal, qual é a melhor atividade física?

Se você está com planos de começar a se exercitar, essa pode ser uma dúvida sua. Mas a verdade é que não existe uma resposta certa para ela. 

A escolha da atividade física é uma questão muito pessoal. O que é bom para você pode não ser para outra pessoa, por isso, não há como dizer qual é a melhor. Tudo vai depender dos seus objetivos com os treinos, da sua condição de saúde e da sua preferência para a modalidade de exercício. É importante escolher uma que te dê prazer em fazer.

Hoje, existem muitas possibilidades oferecidas no mercado: dança, musculação, treinamento funcional, crossfit, aeróbicos (caminhada, corrida, natação e ciclismo), yoga, pilates e muitas outras. Diante de uma lista extensa como essa, você com certeza encontrará alguma atividade que atenda às suas necessidades e preferências.

Pontos que você precisa saber antes de começar a treinar

Depois de escolher a atividade física que você mais se identifica e te dá prazer, é a hora de começar, certo? Não exatamente. É essencial que você saiba e cumpra alguns aspectos antes mesmo de iniciar os treinos. Confira quais são e coloque-os em prática hoje mesmo. 

1. Consulte um médico antes de fazer qualquer exercício

A primeira coisa a se fazer antes de começar uma atividade física é procurar um médico para avaliar a sua condição física e orientar quanto à intensidade dos exercícios.

Por meio dessa consulta e dos exames que o profissional pode solicitar, é possível saber se você tem alguma restrição quanto à atividade escolhida e se possui algum problema de saúde silencioso que pode se manifestar durante os treinos.

Normalmente, os médicos orientam a realização de seis exames para uma análise completa. O ideal é que esse check-up seja feito antes de começar a se exercitar e que você os repita anualmente, independente do seu estilo de vida. Veja a lista de testes mais indicados: 


  • Glicemia em jejum. 
  • Colesterol total e frações.
  • T3, T4 e TSH.
  • Eletrocardiograma.
  • Ecocardiograma.
  • Teste ergométrico.

2. Comece aos poucos

É normal que, ao começar a se exercitar, você queira ver os resultados o mais rápido possível. Porém, ir com tanta sede ao pote para conquistar seus objetivos é um erro que pode trazer sérias consequências, principalmente para quem já está sedentário há algum tempo.

Ao começar com tudo, treinando todos os dias e por mais de duas horas, você se expõe ao risco de sofrer lesões e acabar impossibilitado de fazer os exercícios por dias, no pior dos casos, meses. A lesão pode acabar, ainda, com o seu ânimo de começar um novo hábito. Pense, se voltar a treinar depois de poucos dias parado já é difícil, imagina após um período maior.

Assim, é importante respeitar seu corpo e começar devagar, com treinos mais leves. Conforme seu corpo se adapta aos exercícios, é possível aumentar o ritmo e a intensidade, caso queira. Converse com o seu personal trainer e decidam, juntos, o melhor para você.

3. Se exercitar todos os dias não vai proporcionar resultados mais rápidos 

Esse aspecto está diretamente ligado ao anterior. Isso porque, na intenção de ver resultados rápidos, você pode acabar se excedendo com relação à frequência dos treinos.

Há quem acredite que se exercitar todos os dias da semana vai proporcionar mais benefícios e o alcance rápido das metas. Mas, de acordo com especialistas, treinar três vezes por semana já é suficiente para ter resultados.

Além disso, a Organização Mundial da Saúde (OMS), alterou, neste ano, as recomendações para a prática de exercícios entre adultos. Hoje, a recomendação é de 300 minutos de atividade moderada e 150 minutos de atividade intensa. Segundo a agência de saúde, esse tempo é o bastante para quem deseja desfrutar das vantagens oferecidas pela rotina de treinos.

O problema acontece quando se excede esse limite. Treinar de segunda a segunda por horas a fio pode provocar uma fadiga muscular intensa, aumentando o risco de lesões e diminuindo o seu rendimento. Lembre-se que seus músculos precisam de descanso para se recuperar do esforço dos treinos e, dessa forma, atingir os resultados esperados.

Por isso, opte por se exercitar em dias intercalados. Assim, você dá tempo para seu corpo se recuperar e ganhar forças para os próximos dias.

4. Os alongamentos são importantes, sim

Para muitos, esse tópico pode parecer desnecessário. Mas, a verdade é que se alongar antes e depois do treino proporciona muitos benefícios a quem leva uma vida mais ativa.

Antes da atividade física, o alongamento funciona como um fator de prevenção a lesões musculares que podem ocasionar durante a prática. É uma forma de preparar o corpo para se exercitar, deixá-lo mais flexível e ampliar seus movimentos. Já após a atividade, sua função é relaxar a musculatura e, assim, evitar dores posteriores ao treino.

Essa técnica também é responsável por:

  • Ativar a circulação sanguínea.
  • Reduzir o estresse e a ansiedade.
  • Aliviar tensões.
  • Melhorar a consciência corporal e a habilidade articular.
  • Promover sensação de relaxamento e bem-estar.

Pode acontecer de pessoas que praticam exercícios há mais tempo se esqueçam de alongar nessas ocasiões. Porém, o ideal é torná-lo um hábito, até que você se lembre dessa etapa sem nenhum esforço.

5. Tomar relaxante muscular após o treino não é a melhor opção

Um assunto que gera muitas dúvidas entre os praticantes de atividades físicas é com relação aos medicamentos para aliviar dores após o treino. É provável que você já tenha ouvido uma série de especulações sobre o assunto, mas não tem nenhuma informação concreta.

Afinal, relaxantes musculares podem ser ingeridos em casos de dores após a atividade física?

Médicos e especialistas não recomendam o uso do medicamento para tratamento da dor muscular. Isso porque, remédios miorrelaxantes e anti-inflamatórios podem mascarar o incômodo do músculo e favorecer uma lesão. Ou seja, a dor continua, você só deixa de percebê-la.

Ao deixar de sentir o músculo dolorido, você acha que está apto a treinar novamente e até forçar essa região antes de se recuperar por completo, o que aumenta os riscos de lesão.

Saber dessa informação antes de começar a se exercitar pode te ajudar a evitar algumas complicações de saúde. Por isso, lembre-se sempre dela e prefira formas mais naturais para amenizar a dor, como alongamento ou relaxamento após o treino.

6. Ter uma alimentação equilibrada faz toda a diferença

Algo que sabemos da importância, mas esquecemos ou deixamos de seguir ao longo do tempo é da relação entre alimentação e atividade física.

É preciso entender que nem uma alimentação super restrita, nem rotinas de treinos longas e exaustivas proporcionam melhores resultados sozinhas. Se o seu objetivo é ter um corpo forte, saudável e com muita disposição, o ideal é unir esses dois aspectos.

Todos devemos seguir um cardápio variado e balanceado, com nutrientes que supram as nossas necessidades. Mas, quem se exercita, precisa ter um cuidado maior com a alimentação, pois, os alimentos auxiliam no rendimento dos treinos e no período de recuperação muscular.

Assim, para conseguir ter uma boa performance, seu corpo precisa ter o aporte nutricional adequado de carboidratos, proteínas, gorduras, vitamina e minerais.

Já dedicamos um artigo em que falamos sobre os melhores alimentos para serem consumidos de pré e pós-treino. De maneira geral, nossas sugestões foram:

Pré-treino

  • Tapiocas.
  •  Omeletes.
  • Aveia com frutas.
  • Sanduíche de queijo e atum.
  • Suplementos sintéticos pré-treino.
  • Barrinha de proteína Bold.

Pós-treino

  • Sucos naturais.
  • Sanduíche de ovos ou carnes.
  • Panqueca de banana e aveia.
  • Vitaminas com whey protein.
  • Suplementos pós-treino.
  • Barra de proteína Bold.

Nossas barrinhas podem ser consumidas como pré ou pós treino, pois, possuem todos os macronutrientes essenciais para o organismo: proteína, carboidrato, fibras e gorduras. Além de ter um sabor surreal, com opções para todos os gostos. Veja nossas opções aqui.

Te ajudamos a seguir um estilo de vida mais saudável

Todos os aspectos que apresentamos ao longo do texto são essenciais para uma prática segura e eficiente de atividades físicas. Por isso, coloque-os em prática antes, durante e depois de treinar e tente não esquecê-los. Acredite, eles fazem toda a diferença para aqueles que desejam seguir um estilo de vida mais saudável 😊

Se precisar de ajuda para manter uma rotina de hábitos saudáveis, conte com a gente. Além das barrinhas nutritivas e saborosas, produzimos conteúdos informativos que podem dar aquela dose de ânimo que você precisa para começar ou se manter ativo.

Continue nos acompanhando para mais conteúdos como esses. 



anterior
próxima

Deixe um comentário

Os comentários precisam ser aprovados antes da publicação.